Curiosidades: Origem da Ravena

0

Uma grande maioria já viu, ou ouviu falar, da personagem Ravena, não é mesmo? Mas será que todos sabem a origem dela? Pensando nisso que trouxemos aqui a origem da personagem, acompanhem abaixo.

A Ravena surgiu na edição número 26 da revista DC Comics Presents de 1980, mas sua origem só foi contada na revista Tales Of The New Teen Titans número 2.
A história de origem da Ravena começa quando a mãe dela, chamada Angela Roth, participou de uma seita satânica que pretendia invocar o demônio Trigon. A seita deu certo e Trigon apareceu na forma de um homem.

Angela se apaixonou a primeira vista por ele e juntos tiveram uma história de amor, que só terminou quando Angela engravidou de Trigon e viu a sua verdadeira face. Apavorada com a visão que tinha tido, Angela decidiu cometer suicídio, mas de repente, surge um homem que salva a vida dela e a leva para Azarath, uma dimensão onde todos eram pacifistas.

Lá, Angela recebe o nome de Arella e também acontece de dar a luz a Ravena.

Como a nossa heroína é metade humana e metade demônio, ela poderia se tornar um ser maligno superpoderoso facilmente. Para que isso não acontecesse, Angela a entregou a Azur, a líder de Azurath, para que ela ensinasse a sua filha a como controlar seus poderes e emoções.

Um dia, Rachel começou a ser atormentada por pesadelos com Trigon, e um conselho de Azurath permitiu que a nossa heroína ficasse frente a frente contra o vilão.

Ravena começou uma discussão contra o vilão, que depois de um tempo disse que ele voltará quando ela atingir a idade adulta.

Por causa desse aviso, Rachel decide que precisa convocar um grupo para deter Trigon. Então ela vai ao encontro de Dick Grayson, o primeiro Robin e pede para que ele a ajude a criar uma nova turma Titã.

Poucos de você sabem; mas existiu uma equipe chamada Jovens Titãs, antes da equipe que conhecemos hoje, que possui o Cyborgue, Ravena, Mutano e a Estelar.

Essa equipe surgiu em 1964, na HQ Brave and Bold número 54 e era formado por Robin, Aqualad, Kid Flash e posteriormente pela Moça Maravilha.

Esse grupo durou por 14 anos, mas ele acabou na edição número 53 dos Jovens Titãs, por causa desse grupo, a nova formação dos Titãs se chama os Novos Titãs.

Com os Novos Titãs, Ravena conseguiu deter Trigon e se libertar das mãos perversas do vilão na edição de número 39 do segundo volume dos Novos Titãs.

Mas no Arco de histórias Titans Hunt, a Ravena é sequestrada pela sociedade Gnu, que pretendia usá-la para reviver Trigon. O plano deu certo e o lado negro dela a consumiu, desse modo, a Ravena começou a implantar sementes de filhos de Trigon em outras pessoas. Uma delas foi a Estelar, que foi implantada durante o seu casamento com Dick Grayson. [Novos Titãs Volume 2 #100].

Essa forma sombria da Ravena só foi derrotada tempos depois pelos novos titãs com a ajuda do herói Fantasma, e sabe aquela semente que foi plantada na Estelar? Ao invés dessa semente ser um filho de Trigon ela era um ponto para que a verdadeira Ravena voltasse.

Nossa heroína possui a habilidade de manipular os sentimentos das pessoas. Ela mostrou isso na edição número 39 do segundo volume dos Jovens Titãs, quando ela fez com que o Robin se apaixonasse por ela.

Mas calma, o Mutano não sofreu os efeitos desse poder. A relação entre a Ravena e o Mutano só foi explorada na revista número 100 do terceiro volume dos Novos Titãs.

A Ravena é tão poderosa que nos quadrinhos já foi mencionado que ela possui poder suficiente para destruir muito mais do que apenas um universo.

Deixe uma resposta